Câmara de Boa Vista aprova honrarias a cinco personalidades locais

por José Lucas publicado 07/03/2018 16h22, última modificação 07/03/2018 16h22
Os homenageados foram indicados pelos vereadores Júlio Medeiros (Podemos) e Mirian Reis (PHS)
Câmara de Boa Vista aprova honrarias a cinco personalidades locais

O plenário da CMBV (Danielle Silva)

Em turno único, a Câmara de Boa Vista aprovou nesta quarta-feira, 7, Projetos de Decreto Legislativo que concedem honrarias a cinco personalidades locais que prestaram relevantes serviços à sociedade local. Os homenageados foram indicados pelos vereadores Júlio Medeiros (Podemos) e Mirian Reis (PHS).

Entre os agraciados indicados por Medeiros, estão: o deputado estadual Evangelista Siqueira (PT), o professor-doutor Haroldo Amoras, o pastor Jeú de Oliveira e a professora Lucimeyre Barreto Cavalcante.

O deputado receberá a Medalha de Honra ao Mérito Rio Branco e o Título de Cidadão Boavistense. O título também será destinado ao pastor presidente da Organização Não-Governamental Missionária Missões, Um Grito de Clamor na Escuridão (Migre).

A medalha ainda agraciará Haroldo Amoras, que além disso, receberá o Diploma de Gratidão de Boa Vista. Esta honraria também homenageará a professora Lucimeyre Cavalcante.

A homenageada indicada por Mirian Reis é a servidora da Câmara Municipal, Rômina Nazaré Soares da Silva, que será agraciada com a Medalha de Honra ao Mérito Teresa Maciel.

“A Rômina é servidora da Casa desde 1992. Ela tem o diferencial de ser comissionada, e o que me chama atenção é que essa jovem senhora, entra e sai Legislatura, continua prestando grande trabalho servindo à sociedade e a nós como legisladores”, declarou a vereadora.

AS HONRARIAS

O Título de Cidadão Boavistense é concedido a quem ajuda no desenvolvimento social local e o homenageado que o recebe passa a ser conterrâneo da cidade, mesmo que não tenha nascido ou resida no local que lhe agraciou.

A medalha Rio Branco é dada a pessoas ilustres e empresários que prestaram relevantes serviços à comunidade boavistense, enquanto a Teresa Maciel é dedicada a mulheres que se destacam pelo trabalho social e profissional, contribuindo para a melhoria da sociedade roraimense.

Por fim, o Diploma de Gratidão é destinado a reconhecer personalidades que prestaram benefícios à capital.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.